Compressor da Delphi Technologies em cima de uma bancada de mecânico com um veículo branco ao fundo.
FacebookTwitterLinkedInEmailPrint

Delphi Technologies anuncia novas aplicações de compressores e explica como fazer a manutenção correta

Compressor da Delphi Technologies em cima de uma bancada de mecânico com um veículo branco ao fundo.

Componente consome 15% menos energia quando comparado com outras marcas.
 

A Delphi Technologies Aftermarket lança 25 novas aplicações de compressores que atendem, principalmente, as montadoras Volkswagen, Audi e Renault. O componente é considerado o coração do ar-condicionado, pois ele garante que o líquido refrigerante circule, possibilitando assim, a troca e a dissipação do calor nos momentos adequados. Ou seja, um problema no compressor pode comprometer todo o processo de refrigeração do veículo. 

Os compressores de ar-condicionado da Delphi Technologies foram desenvolvidos com o objetivo de proporcionar o máximo desempenho, melhor economia de combustível e emissão, além de garantir o conforto ao motorista e consumir 15% menos energia quando comparado com outros fabricantes. O design reduz o peso e o atrito, impactando diretamente na vida útil do componente e produzindo menos ruído. 

As novas aplicações contemplam veículos com alto volume de vendas no país (CS20529; CS20561; CS20591). A lista completa com as aplicações pode ser encontrada no catálogo eletrônico Delphi pelo site ou a versão mobile nas lojas de aplicativo.

Compressor Delphi
Componente contempla 25 novas aplicações.

Como realizar uma manutenção apropriada?

Principalmente durante o verão, o sistema de refrigeração automotivo garante conforto aos motoristas que passam longos períodos nas estradas ou no trânsito da cidade, sendo assim, o uso do ar-condicionado se torna mais intenso. Quando o motorista percebe mau desempenho do ar-condicionado, é preciso procurar um especialista para verificar se há um acionamento do compressor, falta de líquido refrigerante e outras fontes que possam atrapalhar o funcionamento do sistema, causando danos na peça.

Uma limpeza mal feita do sistema provoca uma contaminação do compressor, pois não remove por completo os resíduos de óleo, criando uma camada de sujeira. Outro dano passível de acontecer é a quebra das placas, geralmente causada pela sucção e pela linha baixa de pressão. 

“A manutenção eficiente do sistema requer os equipamentos adequados, como a máquina recicladora, manômetro, bomba de vácuo, multímetro, termômetro e o cilindro de nitrogênio.  Alguns dos problemas comuns são de fácil identificação. À medida que a quilometragem do veículo aumenta, é comum o desgaste das peças, no entanto, a manutenção preventiva adequada pode prolongar a vida do compressor. O ideal é optar por uma oficina especializada – além do conhecimento técnico, o mecânico especializado terá as ferramentas e equipamentos para a manutenção, recuperação, recarga, vácuo e limpeza do sistema. O mecânico checará todos os componentes, como condensador, filtro secador ou acumulador, e válvula de expansão ou tubo de orifício”, explica Pedro Valencio, técnico de suporte ao cliente da Delphi Technologies.

A marca recomenda checar o sistema de ar-condicionado uma vez por ano, seguindo corretamente os procedimentos técnicos descritos no manual do usuário.


Saiba mais sobre os compressores da Delphi Technologies clicando aqui.